Nasceu em 1952, vive e trabalha em Curitiba. Desde 1968 estudou desenho e pintura, é autodidata em fotografia. Formou-se em Administração de Empresas, em meados dos anos 70 começou a desenvolver seu trabalho artístico realizando sua primeira exposição individual em 1980. Estudou pós-graduação em História da Arte do Século XX na Escola de Música e Belas Artes do PR em 1999-2000.

     Vilma Slomp tem exposto individualmente em museus e galerias no Brasil e no exterior, como na Pinacoteca de São Paulo, Museu de Arte de São Paulo, Museu de Arte Moderna no Rio de Janeiro, Museu Oscar Niemeyer em Curitiba, Tepper Takayama Fine Arts em Boston, Cymroza Art Gallery em Mumbai e Lionel Wendt Gallery em Colombo, Sri Lanka.

     Em 1998 recebeu o prêmio International Hasselblad.

     Seus obras estão em coleções particulares e museus; em São Paulo, Museu de Arte Moderna, Museu de Arte de SP, Museu Afro Brasil, Instituto Cultural Itaú; no Rio de Janeiro, Museu Nacional de Belas Artes, Fundação Biblioteca Nacional, Museu de Arte Moderna; em Curitiba, Museu de Arte Contemporânea do PR, Fundação Cultural de Curitiba; nos USA, Worcester Art Museum, Danforth Museum of Art, Framingham, Fogg Art Museum/Harvard University Art Museum, Cambridge e Fidelity Investments, Boston, International Center of Photography, New York; em Cuba, Museu Wilfredo Lan e Fototeca de Cuba, Havana e na França Musée Français de la Photographie, Paris.

     Tem cinco livros publicados:
Feliz Natal, Dor, Ilusão, Vísceras em Vice Versa e Curitiba Central.





curriculo completo aqui